Milícia da Explosão volta a atacar na Zona Oeste do Rio

Posted: 9th junho 2013 by Roberta Trindade in Sem categoria

cartaz toni angelo

Responsável pela linha de transporte alternativo 875 (Cosmos x Cascadura), Rodrigo César da Conceição, 48 anos, foi assassinado no final da noite deste sábado, dia 8 de junho, em uma pensão que fica ao lado do lava a jato do qual era proprietário, na Rua das Amoreiras, em Campo Grande, na Zona Oeste do Rio. O crime ocorreu em frente ao ponto final da van, por volta das 22h. Ele deixou quatro filhos menores de idade – o mais novo, de apenas três anos.

O crime está sendo atribuído ao ex-PM Toni Ângelo Souza de Aguiar, o Erótico, 38, apontado pela Polícia como atual líder da milícia Liga da Justiça – agora renomeada como “Milícia da Explosão”. Expulso da corporação há quatro anos, ele era soldado lotado no 27º BPM (Santa Cruz) e hoje possui 14 mandados de prisão expedidos contra si, além de duas condenações na Justiça. Segundo a Polícia, o grupo liderado por Toni Ângelo tem um faturamento de cerca de R$ 3 milhões por mês.

Rodrigo César da Conceição, 48 anos

Rodrigo César da Conceição, 48 anos

A Cooperativa Rio da Prata, da qual a vítima era integrante, divulgou uma nota de pesar em que revela que vem denunciando pelos mais variados recursos legais as ações criminosas da milícia do ex-PM, que domina a região de Campo Grande, Santa Cruz e Sepetiba.

Ainda na nota, a cooperativa afirma que Toni Ângelo intimida trabalhadores por meio de agressões e ameaças de morte e que vem extorquindo os operadores das linhas Cosmos x Cascadura, Sepetiba x Marechal Hermes, Santa Cruz x Coelho Neto e Nova Sepetiba x Coelho Neto há vários meses.

Eles atribuem o assassinato de Rodrigo César ao fato dele não ter se deixado intimidar e ter se colocado contra as imposições feitas pelos milicianos.

 

ARQUIVO EXCLUSIVO SOBRE A GUERRA DAS MILÍCIAS:
Liga da Justiça, Comando Chico Bala, Águia de Mirra, Milícia do Batan


Print Friendly
Share in top social networks!